close
aposentadoria

5 PEGADINHAS DA PREVIDÊNCIA PRIVADA! Que ninguém te fala

A reforma da previdencia vem aí e você já percebeu que vai ter que trabalhar como um camelo e contribuir para um elefante ganhar uma formiga, né? Será que a solução é a Previdência Privada?

Não é que eu seja contra a reforma, na verdade, penso que, se não houver mudanças profundas nesse sistema, todo o país corre o risco de não suportar o preço de sua própria evolução. Eu explico antes de você ficar com raiva de mim:

Em trinta anos teremos mais idosos do que crianças. “Eu já fiz alguns textos sobre isso e mostrei a pirâmide etária, esse trecho que mostra o número de pessoas em cada faixa etária no Brasil, sabe? (Ok, eu sei que você sabe).

Bem, hoje a pirâmide etária não é mais uma pirâmide:

E quando eu envelhecer, a pirâmide se parecerá mais com um cogumelo da bomba de Hiroshima.

Se hoje o país já sofre para pagar a conta dos idosos tendo pessoas para trabalhar e pagar a conta, imagine o que será do nosso futuro quando a nossa classe de indestrutíveis antigos e vitaminos atingir a melhor idade sem tantas pessoas em idade produtiva para pagar as contas nossas viagens em colônias de férias?

Eu imagino e é por isso que eu investi meu dinheiro para o futuro como se fosse uma jóia preciosa (que é realmente ele mesmo).

Depois de toda essa introdução catastrófica, acho que agora você está pronto (e pronto) para descobrir outra realidade perigosa: a dos planos de previdência privada.

“Mas você quer acabar com a minha alegria? Só agora eu ia começar a poupar para a velhice … Que pessimista do caramba”.

Quem diria que foi pessimismo e quem deu este foi um texto apenas para terminar o dia. NÃO É.

Se este texto chegar até você hoje, acredite: é porque eu precisava disso.

Agora que o INSS se tornou o vilão número 1 da sociedade, você verá mais e mais bancos oferecendo planos prospectivos como a salvação de sua cultura. CUIDADO Leia este post até o final.

Sem demora, vamos

PEGADINHAS DA PREVIDÊNCIA PRIVADA

1 – TAXA DE CARREGAMENTO

Quando eles oferecem segurança privada, pergunte: “E a taxa de cobrança?” Se eles te contaram algo diferente de “zero”. Corra, é uma armadilha.

A taxa de cobrança vai comer uma parte do seu dinheiro e pode estar na entrada ou saída.

2 – TAXA DE ADMINISTRAÇÃO

Que ninguém ou compromisso. Na previdencia privada, o banco pagará no futuro de acordo com o que você acumulou com ele durante toda a vida e fará o que poderia sozinho, mas decidiu não fazer porque:

→ Não sabe fazer

→ Não sabe as alternativas para fazer sozinho

→ Ele sabe tudo, mas optou por contratar o serviço do banco e pagar por ele, sabendo que ele poderia estar ganhando mais dinheiro em outros tipos de investimento com baixo risco.

A taxa de administração varia muito da Previdência Social. No mesmo banco você encontrará taxas muito diferentes. Mais uma vez, quanto mais próximo de zero, melhor.

“Mas minha filha, o banco tem que ganhar dinheiro de alguma forma!”

Não se preocupe com o benefício do banco. Ele sabe como ganhar dinheiro e não há absolutamente nada de errado com isso, muito pelo contrário! Os bancos, a propósito, têm várias lições que nos ensinam sobre a maneira como fazemos (ou não fazemos) nosso dinheiro.

Quando você põe parte do seu salário na previdencia do banco, ele ganhará dinheiro com seu dinheiro. Como? Colocar o dinheiro bonito para executar em aplicações de renda fixa ou variável, dependendo do seu plano, e deixando uma parte da rentabilidade para ele (o banco). Vencer / Vencer, acho justo. A pergunta que não quer ficar em silêncio é: por que pagar a taxa de administração do banco para trabalhar com seu dinheiro, ganhar e gastar apenas uma parte do retorno se você puder investir apenas com as dicas desse Blog e Canal, evite Pagar as taxas e ainda acima pegar todo o desempenho para você?

Não sei. Mas você pode comentar aqui abaixo, dizendo por que é tão tentador deixar tudo nas mãos do banco e ignorar que existe um mundo mais lucrativo e multiplicador.

3 – TRIBUTAÇÃO

É tão sonhado tempo para começar a resgatar o dinheiro mensalmente.

“AH ESSA FESTA”, você pensa.

Neste momento você descobre que terá que pagar 27,5% do IMPOSTO DE RENDA sobre a rentabilidade do seu plano (ou pior, especialmente se o seu plano for um PGBL).

Esta é uma regra bastante complicada e que até hoje não vi ninguém explicar com calma quando vendia um plano de previdência privada. (Eu sei que fui perito em previsões antes de aprender a investir e recebi alguns links do Banco indicando outras contribuições em novas previsões).

Basicamente, existem dois tipos de tributação em Previdencias Privadas:

→ Progressivo

→ Regressão

PROGRESSIVO:

Quanto maior a sua aposentadoria, maior será o seu imposto. Começa em 0 e vai até 27,5%. Veja a tabela de 2016:

Ou seja: Se você está economizando para ter um futuro “parrudo” Previdencia Privada será cara e se você estiver economizando para ter a banda mais baixa e isenta de IR vai pagar 15% IR na saída de qualquer forma e Então ele terá que provar ao Leão que ele merece o reembolso pelo que pagou. Essa é a regra. Eu já disse, o leão é implacável.

CONTAGEM REGRESSIVA:

A mordida do Leão diminui com o tempo. Começa em 35% por menos de dois anos e termina em 10% para quem tem o dinheiro investido por mais de dez anos.

4 – OS TIPOS DE PLANOS

VGBL OU PGBL?

“E o que eu sei?” Você pergunta …

Acalme-se, é mais simples do que parece.

PGBL: Para quem faz a declaração completa do Imposto de Renda. Vale a pena se você colocar o equivalente a até 12% da sua receita bruta no plano de previsão. Exemplo: Lucro total (bruto) R $ 10.000,00 colocado até R $ 1.200,00 na previsão de ter uma vantagem fiscal.

VGBL: Para quem não tem muito a deduzir do Imposto de Renda e optar pela declaração simplificada.

5 – RENTABILIDADE

Existe algo pior? Existe Tem planos previstos que realmente pagam melhor que a poupança. O problema aqui são todas as taxas incorporadas no processo que fazem a rentabilidade líquida da Previdência Privada (isto é, o que realmente vai para o seu bolso no final das contas) cair. Tal como acontece com outros tipos de investimentos, quanto mais dinheiro você aplicar, melhor será sua lucratividade. É difícil entrar em uma Previdência com R $ 200,00 por mês e levar esse plano da Master Blaster que rende 110% do CDI e não cobra uma taxa de cobrança.

As saídas:

1 – Enfrente o fato de que você vai perder dinheiro e continuar na Previdência, afinal não funciona.

2 – Estude e compare os planos de previdencia e, talvez, faça uma portabilidade para um melhor. (Isso é possível e garantido por lei).

3 – Estude para poder investir sozinho e garantir uma aposentadoria mais digna do profissional (ou profissional) que você é.

E aí? Qual dessas partidas você vai pegar?

Fabio A. Pimentelli Gomes

The author Fabio A. Pimentelli Gomes

Fabio A. Pimentelli Gomes em Engenharia Civil e Direito, além de possuir diversos cursos financeiros, foi palestrante e hoje desfruta de sua merecida aposentadoria. Adora ler e passar informações relevantes a seus leitores espalhados por diversos blogs.

Leave a Response